Os Estados Unidos são os recordistas em assassinatos políticos