Irã protesta ao Reino Unido pela apreensão de seu petroleiro como “pirataria marítima”