As manifestações em Hong Kong: Os EUA e a diplomacia da bandidagem