Arábia Saudita não pode ou não mais quer pagar por mercenários