A crise dos caminhoneiros revela um Bolsonaro oportunista e despreparado