Suspeito de fraude contra Lula, Moro vai aos EUA e visita agências de espionagem

Ministro da Justiça, Sérgio Moro, suspeito de manipular processo da Lava Jato contra o ex-presidente Lula; usou as redes sociais para anunciar que irá aos Estados Unidos visitar os “principais órgãos de segurança e inteligência do país”; em março, Moro já havia mantido uma agenda secreta com as agências de inteligência dos EUA

Visita acontece em meio ao escândalo resultante da troca de mensagens entre Moro e o coordenador da força-tarefa da Lava Jato, procurador Deltan Dallagnol, divulgada pelo site The Intercept Brasil, em que, além do direcionamento de fases da operação, falam sobre a necessidade de articulação com “os americanos” para evitar deixar a Lava Jato “parada” muito tempo.

Esta não é primeira vez que Moro visita os órgãos de inteligência norte-americanos. Em março, durante uma viagem oficial aos Estados Unidos Moro visitou a sede da CIA, central de espionagem e inteligência do país, em uma agenda que foi mantida sob sigilo (leia no Brasil 247). Também participaram da agenda o presidente Jair Bolsonaro e o deputado Carlos Bolsonaro, filho do presidente.

Segundo o Twitter do Ministério da Justiça, na atual visita a “delegação do Ministério da Justiça participará de reuniões sobre experiências, resultados e boas práticas na área de operações integradas”.

Confita o Twitter do Ministério da Justiça sobre o assunto.

Brasil247


Nota da Redação:

Disse um internauta e nós assinamos embaixo:

“Agora ficou escancarado que temos entre nós um agente da espionagem estrangeira treinado para manter o País sob as rédeas dos EUA, como eles fazem com as repúblicas bananeiras. É por isso que eles têm tanto horror de Cuba.”

 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=260438

Publicado por em jun 22 2019. Arquivado em TÓPICO I. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS