Será que os EUA tentaram grampear Putin?

Kremlin considerou merecedora de atenção a informação sobre tentativas de espionagem telefônica ao presidente da Rússia Vladimir Putin por parte dos EUA, comunicou o secretário de imprensa do presidente russo Dmitry Peskov aos jornalistas.

 

“Juntamente com toda a comunidade internacional, nós prestamos atenção a estes dados publicados. Claro que eles merecem atenção, e eles devem ser examinados mais atentamente”, comunicou Peskov.

O porta-voz do presidente russo acrescentou também que Washington não esconde que está grampeando atentamente personalidades oficiais da Rússia. Como, por exemplo, o embaixador da Rússia nos EUA Sergei Kislyak.

“Mas isso não é nenhum segredo. Por isso, não é preciso abrir o WikiLeaks porque é possível adivinhar”, acrescentou Peskov.

Anteriormente, o WikiLeaks havia publicado cerca de 9 mil documentos e ficheiros que se encontravam na rede interna do Centro de Inteligência Cibernética, baseado na sede da CIA.

O site comunicou que a primeira parte da publicação constitui menos de um por cento do total da informação.

Sputnik


Resultado de imagem para putin ao telefone caricatureNota da Redação:

Inicialmente é bom que se fale, que Putin e outros líderes, com exceção de besteirada, não falam ao telefone ou outro meio eletrônico, sobre coisas delicadas à segurança nacional…

As decisões, questionamentos e situações, são feitas pessoalmente, à portas fechadas. A partir daí, as ordens depois de filtradas e por etapas, são repassadas…

Nem na 2a. Guerra, governantes se arriscavam à tamanha tolice!

Ainda mais Putin, malandro veio da antiga, passado e repassado nas malandragens e safadezas de Washington, iria dar uma mole dessas.. rá, rá, rá…

 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=254024

Publicado por em mar 11 2017. Arquivado em 3. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

1 Comentário para “Será que os EUA tentaram grampear Putin?”

  1. enganado

    Caro Nota da Redação. Que saiba o único que foi espionado na sala de trabalho foi o ditador-general Figueiredo no Palácio 4/Julho ((antigo palácio do planalto)). Claro, os ANGLO-SIONISTAS deveriam naquela época precisarem de notícias escabrosas do regime em tempo real, ou seja, sem intermediários.

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS