Secretário de Defesa dos EUA se assusta com tiroteio no Rio

O secretário de Defesa dos EUA, James Mattis, ficou assustado com a violência no Rio. Ele e sua comitiva ficaram hospedados em um hotel de luxo no Leme, na zona sul e foram acordados às 4h desta terça-feira, 14, por intenso tiroteio na comunidade do Chapéu-Mangueira, conforme relato do jornal O Globo, confirmado pelo consulado americano.

“Após os compromissos oficiais na cidade, no avião a caminho de Buenos Aires, o secretário falou com jornalistas que o acompanham na viagem sobre o incidente da madrugada. ‘Lembre-se que que toda vez que você ouvi um disparo, a vida de alguém pode estar mudando para sempre. Fiquei francamente triste em ouvi-los’, disse ele. O secretário observou que os Estados Unidos também têm um sério problema com os tiroteios em algumas de suas cidades e destacou o trabalho que está sendo feito pelas autoridades brasileiras para encontrar uma solução para a onda de violência que assola o País.

Foi a primeira visita de Mattis à América do Sul desde o início da gestão do republicano Donald Trump, em janeiro de 2017.  Depois do susto, ainda pela manhã, em discurso a cerca de 200 militares brasileiros na Escola Superior de Guerra, Mattis elogiou a postura do governo brasileiro frente à crise na Venezuela. Na segunda-feira, 13, Mattis se reuniu com o ministro da Defesa, Joaquim Silva e Luna, com quem tratou do acordo bilateral que poderá viabilizar que satélites sejam enviados a partir da base brasileira. Daqui ele seguiu para a Argentina e depois visitará Chile e Colômbia. O objetivo é reforçar laços com os países sul-americanos.”


 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=258808

Publicado por em ago 15 2018. Arquivado em TÓPICO I. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS