Rússia: os EUA devem retirar suas armas nucleares do solo alemão, vestígio da Guerra Fria

” “Estamos convencidos de que as armas nucleares dos EUA na Alemanha são uma relíquia da Guerra Fria, há muito tempo elas não têm nenhuma finalidade prática e deve tornar-se história , “disse na segunda-feira o diretor do Terceiro Departamento do Ministério do Exterior russo, Sergei Nietcháiev, em uma entrevista com a agência de notícias russa notícias Sputnik.

O diplomata russo lembra que essas armas estavam estacionados na República Federal da Alemanha, em 1953, cinco anos antes de ter recebido a luz verde do Bundestag (Parlamento alemão).

Todos os tópicos relacionados com esta questão, ele explica, são regulados com base em obrigações do governo em Berlim para a Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO).

Neste contexto, salienta que, uma vez que o governo alemão não tem soberania plena para tomar tais decisões a respeito, o Governo de Moscou não negocia diretamente com ele, mas lembra que os políticos alemães de vez em quando discutem a existência de armas nucleares dos EUA no seu território.

Em 2009, o acordo de coligação para a formação do Governo alemão incluiu aspectos da retirada do arsenal nuclear dos Estados Unidos, e em março de 2010, o Bundestag apontou para fora que Berlim deve trabalhar persistentemente com Washington sobre a retirada das armas nucleares em solo alemão .

“A opinião pública da última vez centrou-se na presença de armas nucleares dos EUA.  A Alemanha foi em setembro passado, quando Washington decidiu para modernizar 20 ogivas instaladas na base da Büchel (oeste da Alemanha) , “disse Nietcháiev.

Em sua opinião, a existência de tais armas é questionada “mais consistente” com o Partido de Esquerda, o Partido Democrático Livre e também pela nova alternativa do partido para a Alemanha, mas as autoridades alemãs atuais “não se atrevem” para discutir a questão com os EUA

ZSS / Nextel // HispanTV


Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=251860

Publicado por em dez 12 2016. Arquivado em 1. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS