Síria retalia ataques de Israel: Postos militares israelenses foram alvejados nas Colinas do Golan sírio

Pelo menos quatro postos militares israelenses foram atacados com foguetes nas Colinas de Golan, ocupadas por Israel desde 1967. Os ataques são uma retaliação as agressões de Israel contra a Síria.

Segundo veículos de comunicação sírios, pelo menos 40 foguetes foram lançados da Síria contra alvos militares israelenses em Golan. Israel não conseguiu derrubar nenhum.

Hoje, dia 09/05/2018 às19horas (horário de Brasília) chegaram as notícias dos alvos  israelenses no Golan Sírio ocupado que estavam sob a mira de ataques dos mísseis Sírios:

1. Um centro militar para pesquisas técnicas e eletrônicas.
2. Sede de uma unidade fronteiriça da “Unidade de Recolha Fotográfica 9900”
3. Um centro militar de escuta de redes de fio e sem fio na série Western.
4. Centro militar para operações de interferência eletrônica
5 – Estações de comunicação para sistemas de comunicação e transmissão
6. Observatório para unidades de armas guiadas com precisão durante operações no solo.
7. Heliporto
8. Sede do Comando Militar Regional da Brigada 810º
9. Sede do setor de batalhões militares em Hermon
10. Sede  da Unidade especial de Neve

Todos estes postos estão no Golan sírio e os ataques foram vistos de várias cidades no leste do Líbano. 

A imagem pode conter: céu, atividades ao ar livre e natureza

A foto é de um cidadão libanês que registrou as retaliações contra Israel.

Ataques foram vistos de várias cidades no leste do Líbano. A foto é de um cidadão libanês que registrou as retaliações contra Israel.

Israel realizou há pouco novos ataques contra o território sírio. As novas agressões foram realizadas contra alvos em Quneitra, nas Colinas de Golan. Foi o terceiro ataque de Israel contra a Síria em dez dias.

Imagens dos bombardeios israelenses e da artilharia antiaérea da Síria sobre Damasco. Via site Damasco Al-An

A imagem pode conter: noite

A imagem pode conter: atividades ao ar livre

A região está tensa depois que Israel atacou a Síria e foi retaliada com vários foguetes lançados contra suas bases militares nas Colinas de Golan, território sírio ocupado desde 1967 por Israel.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

Colonos israelenses que moram ILEGALMENTE nas Colinas de Golan sírio, que é território sírio, estão escondidos em abrigos antiaéreos.

Explosões foram ouvidas agora há pouco em Damasco. Israel está atacando a capital da Síria.

Fortes explosões foram escutadas, agora há pouco, na região de Tiberíades (Tabaraya), perto do mar da Galiléia, na Palestina Ocupada. Local abriga bases militares de Israel.

Aviões israelenses sobrevoam, ás 23 horas (horário de Brasília) do dia 9/05/2018, áreas dos subúrbios de Beirute, capital do Líbano, afirmam veículos de comunicação libaneses.

Hezbollah acaba de informar que suas forças militares estão prontas para lançar foguetes contra Israel. Vários helicópteros israelenses estão sobrevoando a fronteira com o Líbano.

Relatos dão conta de que há explosões na fronteira do Líbano com a Palestina Ocupada. Ataques estariam ocorrendo na área.
 Segundo veículos de comunicação da Síria, Israel continua suas agressões e tenta destruir sistemas antiaéreos e radares sírios.
A imagem pode conter: céu e noite

Imagem mostra momento que sistema antiaéreo sírio derruba foguete lançado por Israel contra a Síria.

Fonte Anwar Assi e Al Mayadeen


Nota da Redação:

São raras as notícias que nos chegam informando os alvos de Israel que foram alvos, como resposta síria (ou iraniana), pelos recentes ataques que o país hebreu fez contra Damasco.

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=258236

Publicado por em maio 10 2018. Arquivado em 4. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS