Pesquisador americano aponta Lula como um prisioneiro dos EUA