ONU alarmada com as “consequências devastadoras” do conflito saudita-libanês

O secretário-geral das Nações Unidas, Antonio Guterres, expressou uma séria preocupação com a escalada das tensões entre a Arábia Saudita e o Líbano, alertando sobre “consequências devastadoras” se uma guerra forçada entre os dois países.

“Estamos realmente muito preocupados, e esperamos não ver uma escalada”, disse o chefe da ONU a repórteres em Nova York. “É essencial que nenhum novo conflito entre em erupção na região, que possa ter consequências devastadoras”.

“Esta é uma questão de grande preocupação para nós. O que queremos é que a paz seja preservada no Líbano”, disse Guterres.

Seus comentários surgem entre as tensões entre o regime de Riade e o governo libanês nos últimos dias. Guterres disse ter contatos “muito intensos” com funcionários da Arábia Saudita, Líbano e outros países da região, insistindo que era necessário evitar novas tensões no Oriente Médio.

Em notícias relacionadas, o secretário-geral do movimento de resistência libanesa, Hezbollah, Sayyed Hassan Nasrallah, disse na sexta-feira que os governantes sauditas declararam clara e abertamente a guerra contra o Líbano, mantendo o primeiro-ministro Saad Hariri do país em Riade.

De acordo com muitos especialistas políticos e diplomatas, a Arábia Saudita, que acusou anteriormente a Beirute de declarar a guerra contra Riad, tem se envolvido em comportamentos “provocativos” e “agressivos” contra países como o Iêmen, o Líbano, a Síria, o Catar e o Irã.

O ministro das Relações Exteriores iraniano, Mohammad Javad Zarif, pediu na segunda-feira que o reino saudita estava “envolvido em guerras de agressão, bullying regional, comportamento desestabilizador e provocações arriscadas” de seus vizinhos regionais.

O principal diplomata do Irã particularmente considerou a coalizão militar liderada pelos sauditas envolvida em uma campanha contra o movimento Huani Ansarullah do Iêmen, responsável pela morte de milhares de pessoas inocentes no país árabe mais pobre.

Presstv


 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=256749

Publicado por em nov 11 2017. Arquivado em 3. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS