Oficiais dos EUA: Pequim está se preparando para instalar mísseis no mar do Sul da China

A China está quase concluindo a construção de 24 instalações militares em suas ilhas artificiais no mar do Sul da China, que poderão ser utilizadas para acomodação de mísseis de longo alcance terra-ar, de acordo com dois oficiais norte-americanos anônimos, citados pela agência Reuters.

Ilhas Spratly no mar da China Meridional

As construções de mais de 20 metros de comprimento, 10 metros de altura e de telhados dobráveis estão sendo executadas nas ilhas em disputa do arquipélago Spratly, o que poderia ser considerado por Washington como aumento da tensão militar na região.

“Os chineses não constroem nada no Mar do Sul da China sem objetivo; além disso, essas instalações lembram aquelas que abrigam baterias de mísseis terra-ar, podendo-se concluir que elas estejam sendo construídas justamente para isso”, disse uma fonte da inteligência dos EUA à Reuters.

De acordo com os militares, estas instalações chinesas não representam ameaça séria para as forças dos EUA na região, dada a sua visibilidade e vulnerabilidade. Mais do que tudo, a sua construção parece ser parte da estratégia de Pequim para com a administração de Donald Trump a fim de ver como reagirá o novo presidente dos Estados Unidos.

Em janeiro deste ano, o secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, enfatizou no Senado dos EUA que se deve “impedir o acesso de Pequim às ilhas em disputa no Mar da China do Sul”.

Sputnik


Nota da Redação:

Mísseis terra-ar de longo alcance, não representam uma ameaça séria aos EUA?

É querer diminuir demais as capacidades chinesas…

Se a China não faz questão de esconder as construções, é até estranho um país fazer questão de mostrar ao inimigo algo que não lhe represente um perigo iminente!

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=253657

Publicado por em fev 22 2017. Arquivado em 2. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS