Obama: ‘Precisamos e vamos tomar ações contra a Rússia’

Estados Unidos planejam responder ataques cibernéticos que atribuem à Rússia.

Durante uma entrevista concedida à rede da Rádio Pública Nacional (NPR), o presidente dos Estados Unidos ameaçou retaliar as supostas interferências russas às eleições deste ano no país.

O presidente acusa a Rússia de coordenar o ataque hacker ao Comitê Democrata que revelou e-mails de campanha da candidata derrotada, Hillary Clinton. “Eu acho que não há dúvida de que quando qualquer governo estrangeiro tenta impactar a integridade de nossas eleições que precisamos tomar ações e nós vamos, em um momento e lugar de nossa própria escolha”, disse Obama.

Falando na Casa Branca, o secretário de imprensa nessa quinta (15), Josh Earnest, recusou-se a dizer se os EUA já começaram sua resposta às ações de Moscou. “O Presidente determinou (…) que uma resposta proporcional era apropriada. Neste ponto, eu não tenho nada a dizer sobre se ou não essa resposta foi realizada”. Funcionários disseram que as ações dos EUA contra a Rússia podem não ser reveladas publicamente.

Sputnik


Nota da Redação:

No mínimo, a resposta dos EUA será lançar uma porção de mentiras à mídia como se tivesse informações confidenciais verídicas da Rússia; coisa que fazem há anos com a mídia prostituta!

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=251953

Publicado por em dez 16 2016. Arquivado em 2. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

1 Comentário para “Obama: ‘Precisamos e vamos tomar ações contra a Rússia’”

  1. juan

    Obama, já até definiu a data do contra ataque cibernético contra Moscow.
    Será no 1º dia útil após sua saída da Casa Branca.

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS