Netanyahu é questionado por horas pela Polícia israelense em investigação sobre corrupção

A polícia israelense confirmou que o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu foi questionado por várias horas em sua residência em Jerusalém no sábado. A entrevista marcou a sexta vez que o primeiro-ministro foi interpelado pela polícia por em uma investigação sobre corrupção.

“Confirmamos que o primeiro-ministro foi questionado por várias horas em sua residência em Jerusalém como parte da investigação liderada pelo Lahav 433 [Unidade Nacional de Investigação Criminal]”, afirmou a polícia.

Contra Netanyahu pesam o Caso 1000, que analisa se o primeiro-ministro recebeu presentes de empresários em troca de favores e o Caso 2000, um suposto acordo entre Netanyahu e o editor do jornal Yedioth Ahronoth, Arnon Mozes, sobre a suavização de críticas na cobertura dos atos do primeiro-ministro em troca do enfraquecimento de outro jornal concorrente.O primeiro-ministro refutou as alegações de atividades ilegais dizendo que os supostos vínculos estreitos com Mozes foram concebidos pela mídia para enganar o público.

A imprensa local informou anteriormente que a polícia israelense estava em posse de gravações de conversas entre o primeiro-ministro e o magnata da mídia.


 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=256841

Publicado por em nov 20 2017. Arquivado em TÓPICO I. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

1 Comentário para “Netanyahu é questionado por horas pela Polícia israelense em investigação sobre corrupção”

  1. enganado

    Isto aí é ladrão roubando ladrão, ou seja, tudo é a mesma merda=farinha do mesmo saco=grana roubada do cidadão-contribuinte-eleitor norte-americano ((não judeu)) enganado pela _mérdia_ , Imprensa Empresa Press_tituta ANGLO_SIONISTA arraigada nos USraHell. Me engana que eu gosto.

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS