Maduro diz que loucos de extrema-direita no Brasil querem invadir a Venezuela

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, acusou nesta quarta-feira 12 a Casa Branca, do presidente dos EUA, Donald Trump, de ter um papel direto na tentativa de assassiná-lo e afirmou que “loucos ultra-direitistas” dentro do governo brasileiro estavam planejando invadir seu país.

O presidente da Venezuela também atacou o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, e seu vice-presidente, Hamilton Mourão, que ele afirmou estar obcecado com a idéia de invadir a Venezuela. “Ninguém no Brasil quer que o novo governo de Jair Bolsonaro se envolva em uma aventura militar”, disse Maduro.

As declarações foram feitas numa entrevista coletiva no Palácio Miraflores, a sede do governo venezuelano, em Caracas.

Brasil247


Nota da Redação:

Tem alguma coisa aparecendo: O enviado dos EUA veio ao Brasil conversar com o Bozo, não se sabe exatamente o que foi dito ou decidido entre eles, e surpreendentemente, justamente no dia da Diplomação, dois bombardeiros russos pousam  na Venezuela, cheios de armas e possivelmente, sistema eletrônicos.

Ontem e hoje, Maduro mandou recados ao Brasil e o Bozo, nada comentou…

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=259457

Publicado por em dez 12 2018. Arquivado em 4. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS