Israel se junta aos Estados Unidos e anuncia saída da Unesco

Agência Efe

 

“A decisão do presidente Trump é corajosa e moral, porque a Unesco se tornou um teatro do absurdo e porque, ao invés de preservar a história, ela a distorce”, declarou o premier.

A decisão dos EUA entrará em vigor no dia 31 de dezembro de 2018. O governo norte-americano também indicou a Bokova seu desejo de continuar colaborando como Estado observador e “levar opiniões, perspectivas e conhecimentos especializados” sobre questões como “a proteção do patrimônio mundial, defendendo a liberdade de imprensa e promovendo a colaboração científica e a educação”.

EFE


 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=256512

Publicado por em out 13 2017. Arquivado em 4. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

1 Comentário para “Israel se junta aos Estados Unidos e anuncia saída da Unesco”

  1. enganado

    Já imaginaram qdo a UNESCO , sem distorcer uma palavra, falar a verdade sobre a matança do Povo PALESTINO por USraHell!!!

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS