Irã promete ‘resposta mais esmagadora’ a qualquer novo ‘ataque’ dos EUA

O deputado norte-americano Ilhan Omar (D-MN) (L) conversa com a presidente da Câmara dos Deputados Nancy Pelosi (D-CA) durante uma manifestação com colegas democratas antes de votar no HR 1, ou People Act, nos degraus orientais dos EUA. Capitólio em 8 de março de 2019 em Washington, DC  (Foto AFP)

Chefe do Estado-Maior das Forças Armadas do Irã Mohammad Baqeri

O chefe do Estado-Maior das Forças Armadas do Irã alertou que “qualquer novo dano” dos Estados Unidos será recebido com “uma resposta mais esmagadora e decisiva”.  

“Chegou a hora dos governantes do mal dos Estados Unidos retirarem suas forças terroristas do exército o mais rápido possível da região”, disse o major-general Mohammad Baqeri na quarta-feira.

A retaliação noturna após o assassinato dos Estados Unidos do mais importante comandante antiterror do Oriente Médio demonstrou apenas uma fração das capacidades das forças armadas iranianas, disse ele em comunicado.

O Corpo de Guardas da Revolução Islâmica (IRGC) atingiu duas bases militares dos EUA no Iraque com vários mísseis Fateh guiados com precisão logo após o general Qassem Soleimani ter sido posto em repouso em sua cidade natal, Kerman, com relatos iniciais de muitas vítimas.

“A gloriosa operação noturna demonstra apenas uma fração da capacidade das forças armadas da República Islâmica do Irã e é uma resposta ao ato terrorista do regime americano em martirizar o honorável comandante general Qassem Soleimani”, disse Baqeri.

“E a partir de agora, qualquer nova travessura americana enfrentará uma resposta mais forte, mais esmagadora e mais ampla”, acrescentou.

A agência de notícias Tasnim citou uma fonte informada na organização de inteligência do IRGC, dizendo que pelo menos 104 alvos na região foram identificados para ataques, caso os americanos perpetrassem qualquer nova agressão.

Segundo a fonte, 15 mísseis balísticos atingiram a base aérea de Ain al-Asad, na província de Anbar, na manhã desta quarta-feira, nenhum dos quais foi interceptado pelo sistema de radar do “exército terrorista americano”.

“Chegou a hora de os governantes maus dos Estados Unidos entenderem melhor a capacidade da República Islâmica do Irã em uma ampla geografia do mundo e adotarem uma abordagem baseada em princípios”, disse o general Baqeri.

Presstv


Nota da Redação:

Trump está assombrado em ver a coragem do Irã em bombardear com chuva de mísseis às bases de seu exército, e pior, com o recado que se retrucar, mais alvos serão atacados!

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=261436

Publicado por em jan 8 2020. Arquivado em 2. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS