“Fora, Temer” interrompe fluxo de trios no carnaval da Bahia e ao vivo na Globo

Valter Pontes

 

A polícia tentou, sem sucesso, reprimir o protesto e teve que deixar o local diante da multidão. A pausa durou cerca de 40 minutos.

Em Recife, não foi diferente. Durante a apresentação de Lenine e Gaby Amarantos, no principal palco do Carnaval do Recife, no Marco Zero, o público puxou o Fora, Temer.

Na apresentação de Lenine, após reclamar de problemas no áudio baixo, o cantor pediu para começar a música Do it de novo. O rápido silêncio que se seguiu foi preenchido por gritos de Fora Temer em toda a praça. Lenine acompanhou o  grito puado pela plateia.

Gaby Amarantos enfatizou seu compromisso com os direitos humanos com um bloco de músicas que continham letras depreciativas à mulher e que foram modificadas. “Desconstroi esse Tigrão”, “a bunda é minha e eu rebolo se eu quiser” e “Não tolero seu assédio” foram algumas das mudanças promovidas por ela nas letras.

“Sou uma artista popular, mas acho que as letras precisam ter um conteúdo legal”, disse. Ao cantar “Que país é esse”, o público gritou Fora Temer novamente.

Nem a Globo conseguiu abafar o protesto que tomou a tele da cobertura do carnaval em rede nacional. Durante transmissão ao vivo no Jornal Hoje, a emissora foi obrigada a mostrar e ouvir em alto e bom som “Fora, Temer!” entoado no bairro do Bixiga, em São Paulo.

Na Brasilândia, o Bloco em Brasa desfilou no domingo contra as medidas de retrocesso do governo de Michel Temer. “Aqui a gente pula com o sorriso, com a alegria nos olhos. Todos podem, não é preciso ter o colete da ‘Skol’ para poder entrar. É uma comemoração política. Fora Doria! Fora Temer e todos eles”, diz Kelton Campos, que concluiu o ensino médio na Escola Estadual Martin Egídio Damy. O bloco foi criado em 2016, após a desocupação das escolas.

 

Do Portal Vermelho, com informações de agências

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=253836

Publicado por em fev 28 2017. Arquivado em 1. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS