Fachin afasta Aécio e pedido de prisão será analisado pelo Plenário

 

 

 

Outro que foi afastado foi o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), que também teve seu pedido de prisão solicitado pela procuradoria que deverá ser analisado pelo Plenário do Supremo.

As decisões do Fachin ainda não foram divulgados. Todas as decisões foram tomadas a pedido da Procuradoria-Geral da República. Rocha Loures e Aécio Neves são alvos de uma operação deflagrada nesta quinta-feira (18).

A irmã de Aécio, Andrea Neves, foi presa nesta quinta. Também foram cumpridos mandados de busca e apreensão no Congresso Nacional e nas casas dos investigados.

Todos os pedidos foram feitos pela Procuradoria-Geral da República com base na delação premiada do empresário Joesley Batista, dono do frigorífico JBS. a informação foi divulgada pelo colunista Lauro Jardim, do O Globo. A delação ainda está sob sigilo.

Portal Vermelho


Nota da Redação:

Ainda veremos esse cretino e cínico amargar dentro de uma cela, para fazer justiça ao golpe que ele e seus comparsas impuseram contra o povo brasileiro!

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=255006

Publicado por em maio 18 2017. Arquivado em 3. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS