Em notas, Forças Armadas garantem que cumprirão a Constituição

Comandantes militares se reuniram nesta sexta-feira com o presidente Temer

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas – Michel Filho / Agência O Globo/14-02-2016

 

BRASÍLIA — Os comandos das três Forças Militares (Marinha, Exército e Aeronáutica) fizeram questão de garantir, neste momento de crise políticam sua total subordinação aos preceitos constitucionais, em notas divulgadas neste sexta-feira. A manifestação ocorreu horas depois de um encontro com o presidente Michel Temer e num momento de instabilidade política.

Nos textos, os comandantes militares disseram que foram “convocados” para o encontro onde se discutiu a conjuntura atual. Os comandantes militares destacam que as Forças Armadas têm seu papel determinado pela Constituição. O cuidado foi para evitar interpretações de que o encontro com Temer poderia ser um apoio ao presidente neste momento.

Temer se reuniu com os três comandantes e ainda com o ministro da Defesa, Raul Jungmann, e com o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Sergio Etchegoyen. Em nota, o comandante do Exército, general Villas Bôas, “reafirma que a atuação da Força Terrestre tem por base os pilares da estabilidade, legalidade e legitimidade, e ressalta a coesão e unidade de pensamento entre as Forças Armadas”.

 

O general ainda fez questão de deixar clara sua posição nas redes sociais. No Twitter, escreveu que esteve com Temer e que reafirmou o “compromisso perene com a Constituição e em prol da sociedade”. Na mesma linha, a nota da Aeronáutica é assinada pelo chefe do Centro de Comunicação Social da Aeronáutica, brigadeiro Antonio Ramirez Lorenzo. A nota diz que o encontro foi para “tratar da conjuntura política”.

“Como de praxe em reuniões já realizadas entre esses atores, prevaleceram a unidade de pensamento e o estrito cumprimento das normas legais, características inerentes às Forças Armadas Brasileiras”, diz a nota.

Com o mesmo tom, a Marinha divulgou nota sobre o encontro, destacando que fora “convocada” pelo ministro da Defesa. Segundo o texto, foi ” discutida a conjuntura atual e destacada a total subordinação das Forças aos ditames constitucionais”.

Agência O Globo


Nota da Redação:

Esqueçam os militares, estão vendidos e rendidos ao atual governo criminoso e golpista! 😩😩😩😩😩

O medo deles é a Democracia, do povo votar em Lula novamente!😆😆😆

Só mesmo o povo, a esquerda e Janot pra tirar esse lixo do Temer do poder!

Esse país tá condenado aos elitistas-conservadores 😰😰😰😰 desde 1500….

Parabéns senhores corajosos, para não dizer o contrário…

Cadê o certinho e valentão do Bolsonaro?? 🤐🤐🤐🤐  Bem caladinho!!

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=255062

Publicado por em maio 20 2017. Arquivado em 2. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

1 Comentário para “Em notas, Forças Armadas garantem que cumprirão a Constituição”

  1. enganado

    Nota da Redação, concordo em gênero/número e grau. Os militares=Tropas de Ocupação a mando dos ANGLO_SIONISTAS ocupam as Terras do nosso BRASIL. COVARDES!, COVARDES!, COVARDES, … !!!!! ___ O medo deles é a Democracia, do povo votar em Lula novamente!😆😆😆___
    ___Só mesmo o povo, a esquerda e Janot pra tirar esse lixo do Temer do poder!___
    Esse país tá condenado aos elitistas-conservadores 😰😰😰😰 desde 1500___. Obedecem ao Pentágono / CIA / NSA / MOSSAD. Qtas vezes o ___momro___ rasgou o Constituição???? São todos SAFADOS/HIPÓCRITAS/DISSIMULADOS/OMISSOS/ …. gostam mesmo é da grana ROUBADA pela DIREITA. Duvido se o LULA tivesse aprontado tudo isto que aí está, onde estaria o LULA a estas horas: 7 PALMOS de PROFUNDIDADE. Somos um país de “””Vira_Latas”””, republiqueta de bananas da Direita, PUTEIRO / GALINHEIRO / RENDEZ-VOUS / PAÍS DE MILITARES que se congratulam com uma DIREITA de PATIFES, CX do MUNDO…..

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS