Ciro Gomes:”Bolsonaro é o cabra marcado para perder no 2º turno”

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) disse que o seu rival na disputa pela Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) é um “cabra marcado para perder no segundo turno”.

Academia Brasileira de Ciências

 

Ciro Gomes, candidato do PDT à Presidência da República, disse nesta quinta-feira (13) que Jair Bolsonaro (PSL) é o ‘”cabra marcado para perder no segundo turno”, ao comentar os resultados da últimas pesquisas.

Ciro esteve na Academia Brasileira de Ciências, no Rio de Janeiro, onde apresentou propostas de governo para o setor. Na avaliação do presidenciável, essa derrota de Bolsonaro se deve ao fato de ter o maior índice de rejeição pelos eleitores em comparação a todos os candidatos ao Planalto.

“Se não fosse a facada, que é uma tragédia mesmo, já estaria desmilinguido. Mas ele é o cabra marcado para perder a eleição no segundo turno, porque a rejeição dele é a maior de todas. Isso se nós não cometermos uma imprudência, se não votarmos no egoísmo, no justo apetite partidário, e pensarmos um pouco no país”, afirmou.

Ciro também não poupou críticas ao general Hamilton Mourão, candidato a vice na chapa de Bolsonaro,voltando a chamá-lo de “jumentão de carga”.

No discurso, o presidenciável disse que votaria em Fernando Haddad (PT) em um eventual segundo turno.

“Se ele for para o segundo turno, voto nele, simples assim”, disse Ciro. Em coletiva de imprensa, ele fez elogios pessoais a Haddad, que considera um amigo, mas como adversário na disputa eleitoral, fez o que manda o protocolo, já que Haddad é seu adversário direito no esmo campo.

“O Haddad é um querido amigo, uma excelente pessoa, tenho por ele grande afeto. Mas não tem experiência”.

Do Portal Vermelho, com informações de agências

__________________________________________________

Nota da Redação:

Que Bolsonaro irá perder feio no 2o. turno todos já sabem; queremos novidade!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=258975

Publicado por em set 14 2018. Arquivado em TÓPICO I. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS