Chancelaria boliviana acusa Estados Unidos de conspiração

 

 

 Diplomata boliviano acusa Estados Unidos de conspiração Diplomata boliviano acusa Estados Unidos de conspiração

Os Estados Unidos “são os patrocinadores, porque conspiram, convocam delegações diplomáticas para que possam escutar as vozes enviesadas de políticos opositores, fazem de maneira oficial, por escrito, cumprindo os procedimentos de uma convocatório oficial”, disse Romero em coletiva de imprensa.

O chanceler interino afirmou ter convocado um funcionário da embaixada dos EUA em La Paz para expressar seu protesto formal. O representante diplomático estadunidense apresentou uma explicação “pouco convincente”, disse Romero, mas afirmou que informaria Washington da preocupação boliviana.

Nesta sexta, o Departamento de Estado dos EUA fez uma reunião com dois senadores bolivianos da oposição, Óscar Ortiz e Arturo Murillo, e representantes diplomáticos de oito países.

Um dos temas do encontro seria a pretensão do presidente boliviano Evo Morales de buscar a reeleição.

“É muito grave que nossos adversários sob os auspícios do Departamento de Estado se encontrem com um representante chileno e outros para discutir questões de política interna na Bolívia”, disse Romero.

A Bolívia formalizou sua queixa por escrito perante o governo dos Estados Unidos, concluiu o ministro.

Sputinik

 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=256465

Publicado por em out 7 2017. Arquivado em TÓPICO II. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS