Al Jazeera flagra agente de Israel conspirando contra parlamentares britânicos

Como se não bastasse o mal-estar mundial pela tardia condenação da a ONU à continuidade dos assentamentos em território palestino, o Governo de Israel sofreu um novo constrangimento com os governos europeus.

Um repórter da TV árabe Al Jazeera, disfarçado, gravou o diplomata Shai Mason combinando com uma funcionária do governo inglês articulando “escândalos” para desmoralizar parlamentares e autoridades britânicas consideradas “pró-palestinos”.

Numa palavra: conspirando abertamente contra o governo inglês.

Veja trechos da reportagem do The Guardian:

Diplomata israelense é gravado ao conspirar para “derrubar” os deputados britânicos

Um membro da embaixada israelense foi gravado em vídeo conspirando para “derrubar” parlamentares britânicos considerados hostis, incluindo o ministro do exterior Sir Alan Duncan, um partidário declarado de um Estado palestino.

Em uma violação extraordinária do protocolo diplomático, Shai Masot, que se descreve como funcionário nas Forças de Defesa de Israel e está servindo como um funcionário político graduado na embaixada de Londres, foi gravado por um repórter disfarçado da unidade de investigação da Al-Jazeera falando sobre alguns congressistas britânicos.

O embaixador israelense, Mark Regev, pediu desculpas a Duncan na sexta-feira. Um porta-voz israelense disse que Regev deixou claro que “a embaixada considerou as observações completamente inaceitáveis”.

A embaixada israelense disse que Masot “estará deixando a embaixada em breve”. Masot não quis comentar ou esclarecer o que quis dizer quando disse que queria “derrubar” alguns congressistas.

Masot estava falando com Maria Strizzolo, uma funcionária pública que anteriormente era assessora de outro ministro Conservador. Também estava presente um homem que eles conheciam como Robin, que acreditavam estar trabalhando para os Amigos do Trabalho de Israel, um grupo de pressão. Na verdade, Robin era um repórter secreto da Al Jazeera.

Strizzolo, discutindo com Masot como desacreditar os congressistas, disse: “Bem, você sabe, se você olhar com afinco, tenho certeza de que há algo que eles estão tentando esconder.” Mais tarde, ela acrescentou: “Um pequeno escândalo, talvez.”

Durante a conversa, em outubro, Strizzolo se gabou de ter ajudado a conseguir uma promoção para seu chefe, o deputado Conservador Robert Halfon. Tinha sido sua chefe de gabinete quando era vice-presidente do Partido Conservador. No ano passado, Halfon foi nomeado ministro da Educação e Strizzolo foi nomeada gerente sênior da Skills Funding Agency. Ela continua trabalhando parcialmente para Halfon.

Na gravação, Masot concordou que Strizzolo tinha ajudado Halfon e, em seguida, perguntou se ela também poderia conseguir o efeito oposto. “Posso dar-lhe alguns congressistas que eu gostaria de sugerir para detonar?”, ele perguntou. Ele passou a dizer que ela sabia de quais congressistas MPs ele estava falando.

Ela pediu para lembrá-la. – O vice-ministro das Relações Exteriores – disse ele. Strizzolo disse: “Você ainda quer ir pra cima dele?” A resposta de Masot é ambígua, mas ele disse que Duncan ainda estava causando problemas. Strizzolo perguntou: “Eu pensei que tínhamos, você sabe, neutralizado ele um pouquinho, não?” Masot respondeu: “Não.”(…)

A conversa então se voltou para o secretário de Relações Exteriores, Boris Johnson. Strizzolo disse que ele era sólido em Israel. Masot concordou, acrescentando que Johnson simplesmente não importava. “Você sabe que ele é um idiota …”, Masot disse.

Strizzolo voltou ao assunto de Duncan mais tarde na conversa, sugerindo que tinha tido uma reunião com Halfon no passado e que Halfon tinha denunciado Duncan para a coordenação política. Então nunca diga nunca, ela acrescentou. Masot respondeu: “Nunca diga nunca, sim, mas …” Strizzolo disse: “Um pequeno escândalo, talvez.”

Outros proeminentes Conservadores citados durante a conversa incluem Crispin Blunt, presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Comuns, que também é um defensor declarado dos palestinos.

(…) Masot concordou que Blunt estava entre os deputados que eram “fortemente pró-árabes em vez de pró-Israel”. Strizzolo referiu-se a ele marcado para “ser detonado”.

Os ministros do Reino Unido consideram que essas conspirativas são preocupantes, ultrapassando a atividade diplomática normal. Duncan se recusou a comentar.(…)

Ele (Masot) também se descreve como tendo sido major nas Forças de Defesa de Israel (IDF) entre 2004 e 2011 – servindo parte daquele tempo em um barco patrulha no litoral de Gaza – e ainda empregado pelo IDF como vice-chefe do setor de organizações internacionais.

As revelações ocorrem num momento sensível, pouco mais de uma semana depois que Theresa May se opôs ao governo Obama ao expressar forte apoio a Israel em uma disputa pela expansão de assentamentos ilegais na Cisjordânia.

A operação das gravações, que começou em junho e funcionou até novembro do ano passado, registrou conversas em várias ocasiões, que incluem uma ampla gama de ativistas pró-israelenses, bem como políticos britânicos e funcionários da embaixada israelense.

As gravações são a base de quatro documentários de meia hora que a al-Jazeera vai transmitir a partir de 15 de janeiro.

Fernando Brito – Tijolaço

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=252518

Publicado por em jan 9 2017. Arquivado em 2. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

2 Comentários para “Al Jazeera flagra agente de Israel conspirando contra parlamentares britânicos”

  1. toujour le frique ou sommes (dans un etat totalitaire,,mains de fer dans un gant de velour cela est maintenant cela continue ????????????????????????

  2. enganado

    Vou repetir pela culhonésima vez, ou seja fui expulso do __jornaleco gRoubo__ e do __Terra__ porque escrevi: “””___ O Bigode acertou no ALVO, mas errou na dose ___””” . Verdades doem muito.

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS