Agência de Defesa de Mísseis dos EUA eleva contrato do sistema THAAD para US$ 1,3 bi

A Lockheed Martin ganhou um contrato para elevar o custo total do sistema de Defesa Terminal de Área de Alta Altitude (THAAD) a US$ 1,3 bilhão para a Agência de Defesa de Mísseis dos EUA (MDA), informou o Pentágono em um comunicado de imprensa.

“A Corporação Lockheed Martin [de] Sunnyvale, Califórnia, está sendo premiada com uma modificação de US$ 345,5 milhões de um contrato existente para o desenvolvimento de elementos e serviços de suporte do THAAD”, disse o comunicado na terça-feira (31).

A “modificação” eleva o valor máximo total do contrato para U $ 1,3 bilhão, segundo observou o Departamento de Defesa.

“Esta modificação prevê (…) desenvolvimento incremental adicional, suporte a programas de teste de voo e de solo, e suporte responsivo às exigências do combatente para sustentar o Sistema de Defesa de Mísseis Balísticos”, acrescentou o comunicado.

Sputnik


 

Be Sociable, Share!

URL curta: http://navalbrasil.com/?p=253085

Publicado por em fev 1 2017. Arquivado em 1. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

CLIQUE ACIMA PARA RECEBER COMENTÁRIOS POR E-MAIL. ATENÇÃO: AO COMENTAR, UTILIZE UM E-MAIL ÚTIL - COOPERE COM NOSSO TRABALHO.

CLIQUE SOBRE AS NOTÍCIAS